#ficadica 27jun

O que é bom sempre volta

Postado por Marcela Paim

Já tem um tempo que eu estava para vir aqui falar de um assunto que me foi muito questionado na época do Chá Bar M&M!

(Se você não sabe n-a-d-a sobre esse assunto, vou deixar uns posts sobre o #casamentoMeM para você, tá bem? )

Mas o que vim falar aqui é que quando eu estava preparando o meu chá, em determinado momento me perguntaram:

Mas suspiros, Marcela? Em festa de adulto?

E eu respondi SIIIIIM!

Inicialmente chamado de merengue, na região da Galícia, na Espanha, o doce era uma sobremesa que se costumava comer no café da tarde. Sua origem pode ter sido em mais de um lugar do mundo, mas a teoria mais difundida é que ele surgiu por volta do século XVII, sendo criação de um confeiteiro italiano chamado Gasparini que morava no povoado suíço de Meiringen. O doce teria ganhado visibilidade a partir da fama que conquistou na corte de reis e rainhas de diversos lugares da Europa, principalmente na França e Polônia.

No começo do século XIX, os cozinheiros começaram a moldar o merengue com uma colher antes ir ao forno, ganhando assim o formato que são conhecidos até hoje e, a partir de então, na Espanha começaram a chamá-los de suspiros.

E eu não escolhi qualquer suspiro, né gente? Eu escolhi o Les Bisous (que significa beijos em francês!)

O Les Bisous é uma empresa criada pela Luiza, que tem 33 anos e na verdade é formada em design gráfico.

A história dela é super bacana, pois a Luiza ficou desempregada em dezembro de 2014 e vendo uma oportunidade de um gap de mercado, pois não existiam suspiros coloridos e lindos assim no Brasil, começou a testar receitas e foi pioneira no mercado nacional a fazer suspiros gourmet coloridos, trazendo às mesas esse doce tãaaao querido com uma nova roupagem.

Ela produz os Bisous artesanalmente com ingredientes de alta qualidade e consegue adaptar as cores em combinações quase infinitas a qualquer decoração e ocasião. #amamos

Como a paleta do nosso #chabarMeM era branco, rosa quartz e dourado, a Luiza fez os bisous em tons de branco e rosa, que combinavam perfeitamente com o resto da decoração e com o bolo #divo da Delicada Doces.

“Todo mundo acha que suspiro é só clara e açúcar, mas na verdade esse doce é super temperamental”, diz Luiza. “Pois depende de várias questões de temperatura e pode desandar a qualquer momento”.

Ela nunca tinha feito suspiros, mas depois de testar e conseguir uma receita única, ela aproveitou a inspiração da mãe confeiteira e lançou o Les Bisous em Março de 2015.

Por conseguir essa diversidade de tons e sabores, a Les Bisous virou logo a queridinha das festas infantis, e esteve presente até na festinha da Titi, filhota linda do Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, que foi feita esse ano com o tema Frozen.

Mas não só de festas infantis vivem os Bisous. Eles já foram à muitos casamentos, aniversários e chás também encantando à todos.  Só pra dar um exemplo, os Bisous estavam também no aniversário da Carol Sampaio no Copacabana Palace e no da Lu D’ Angelo (it girl – irmã da Fabiana D’Angelo) no Fasano. Um arraso, né?

Quando peguei os Bisous eles vieram em uma caixinha transparente com uma fitinha muito linda combinando com as cores deles.

Mas foi quando provamos no chá que veio a surpresa de verdade. Afinal, não é um suspiro comum, daqueles super açucarados sabe? Eles são bem levinhos pois são crocantes por fora e molinhos por dentro. E o meu tinha o gostinho de limão siciliano. #deli

Então quando te perguntarem, “Suspiro?”, repense, pois eles voltaram com TUDO e estão arrasando nas mesas mais chiques e cobiçadas da cidade em qualquer tipo de evento.

Serviço:

[email protected]

http://www.lesbisous.com.br/

@lesbisous

Bjs, Marcela Paim